Sala dos Professores

História das Artes > Posts com a tag "Sala dos Professores" (Página 2)
Marepe: Estranhamente Comum | Pina_Estação | SP

Marepe: Estranhamente Comum | Pina_Estação | SP

Com curadoria de Pedro Nery, curador do museu, trata-se da primeira grande exposição individual do artista baiano em São Paulo que propõe oferecer uma visão abrangente de sua trajetória, iniciada na década de 1990.

O conjunto de 30 obras evoca poeticamente uma memória pessoal que se entrelaça à sua cidade natal.

Marepe (Marcos Reis Peixoto) nasceu na cidade de Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo Baiano, em 1970. Continue Lendo

Gold – Mina de Ouro Serra Pelada | Sesc Avenida Paulista | SP

Gold – Mina de Ouro Serra Pelada | Sesc Avenida Paulista | SP

Exposição do premiado fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado.

O registro, feito na década de 1980, mostra a realidade do que foi o maior garimpo a céu aberto do mundo, na região da Amazônia Paraense. Continue Lendo

Criar um desenho ao estilo dos deuses Egípcios

Criar um desenho ao estilo dos deuses Egípcios

Na Antiguidade, diante de tantos mistérios que cercavam o entendimento da natureza, dos ciclos da vida, o ser humano foi criando a Mitologia para entender esses fenômenos. O Egito Antigo, por exemplo, era repleto de crenças, mitos e simbolismos. Continue Lendo

O Caravaggio Roubado

O Caravaggio Roubado

O Caravaggio Roubado é como se fosse um filme dentro de um filme. Novo longa do cineasta italiano Roberto Andò, que utiliza de um dos roubos mais misteriosos da história da arte: em 1969, o famoso quadro “Natividade com São Francisco e São Lourenço” (Nativitá), de Michelangelo Caravaggio desapareceu de uma igreja em Palermo, na Sicília. E nunca mais foi recuperado.

As versões sobre o sumiço são muitas, começando pela máfia italiana até um crime passional. É nestas possibilidades que Andò embarca ao colocar em cena a jovem Valéria (Micaela Ramazzotti), secretária de uma empresa produtora de cinema que serve de roteirista fantasma para um cineasta meio picareta.

Enquanto ela assina os melhores roteiros para ele, entra em cena um velho policial que lhe conta uma história aparentemente incrível – e Valéria a utiliza para estruturar seu próximo filme, sem saber que, na verdade, está revelando segredos sobre o desaparecimento do quadro de Caravaggio. Enquanto ela investiga e busca elementos para sua história, também enfrenta vários perigos.

 

Grada Kilomba: Desobediências Poéticas | Pinacoteca de São Paulo

Grada Kilomba: Desobediências Poéticas | Pinacoteca de São Paulo

Primeira exposição individual no Brasil da artista portuguesa.

Com curadoria de Jochen Volz e Valéria Piccoli, diretor geral e curadora-chefe do museu, respectivamente, a mostra apresenta quatro trabalhos que ocupam as quatro salas contíguas à exposição do acervo da produção artística brasileira do século XIX da Pinacoteca.

De forte tom político e comprometido com as perspectivas das narrativas pós-coloniais, o conjunto propõe uma espécie de restituição do lugar das vozes daqueles que foram silenciados ao longo da história. Continue Lendo