“A hora da Onça beber Água’ de Eduardo Srur

História das Artes > Sala dos Professores > “A hora da Onça beber Água’ de Eduardo Srur
“A hora da Onça beber Água’ de Eduardo Srur

O artista Eduardo Sur, levou a sua provocação ambiental “É hora da Onça beber Água” para Genebra, Suiça.

Nascido em São Paulo, Eduardo Srur é um artista visual que é a cara da sua cidade. Sua obra se dedica a interferir nos cenários urbanos, dialogando, com a questão ambiental, para alertar sobre os problemas pelos quais passam as metrópoles.

Ao longo de sua carreira, diversas instalações mexeram, e mexem, com o olhar dos transeuntes, por meio de elementos como garrafas pet em tamanho gigante, caiaques presos no lixo, cavalos em pontes, manequins de banhistas que estariam prestes a saltar no mesmo rio e tantos outros.

As onças já foram também, personagens de uma provocação em São Paulo nas margens do Rio Pinheiros , colocou onças infláveis gigantes nas suas margens, um dos rios mais poluídos da capital.

Uma das onças parece beber água no rio podre, algo que seria muito pouco indicado para qualquer ser vivo.

Esse trabalho, como tantas outras intervenções urbanas do artista faz parte de uma série idealizadas por Sur para conscientizar a população sobre a poluição dos rios.

As Onças nas margens do Rio Pinheiros em São Paulo – SP – Brasil

 

 

PESSOAS QUE LERAM ISSO, TAMBÉM GOSTARAM....

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *