Museu da Escrita do Ceará

História das Artes > Museus > Museu da Escrita do Ceará
Museu da Escrita do Ceará

O Museu da Escrita, em homenagem a professora sobralense Maria Isaurita Gomes Morais, genitora do idealizador do projeto, está localizado no município de Fortaleza, estado do Ceará, tendo iniciado suas atividades em Novembro de 2012.

O Museu da Escrita se divide em 16 salas, localizada em uma casa que mede 450 metros quadrados e foi devidamente reformada para receber as pessoas com toda comodidade.

As portas do Museu estão abertas para todos aqueles que querem conhecer como começou a escrita e como ela evoluiu do tijolinho de barro aos computadores dos novos tempos.

O objetivo do Museu da Escrita é promover a valorização da memória dos testemunhos da escrita e dos registros históricos, através da preservação, da pesquisa e da comunicação de seu acervo, visando o acesso irrestrito do patrimônio integral.

No seu acervo contam com peças tais como uma reprodução da Pedra de Roseta, em miniatura.

O livro do Morgado que possui 973 páginas e foi escrito por uma única pessoa durante 15 anos contém, em seu interior, informações sobre a vila que foi administrada pelo conde da Calheta, em Portugal.

Máquinas de datilografia, na sala destinada à imprensa, há uma delas que reproduz aquela que foi usada por Gutemberg e outras que mostram as antigas tipografias.

Projeto Escola

Direcionado a alunos da rede particular e pública, de colégios e faculdades, tem como objetivo levar cultura estimulando o aprendizado de forma interativa e didática proporcionando uma aula de campo diferenciada e prazerosa.

Os alunos vivenciam, na prática, o que aprenderam na sala de aula, favorecendo, portanto, a interação disciplinar através de uma abordagem de temas relevantes para a compreensão crítica e reflexiva da realidade. São elas que permitem aos alunos relacionarem vários conceitos, valores, procedimentos e atitudes às suas práticas cotidianas.

Projeto De Férias no Museu da Escrita

O projeto se destina a crianças de 4 a 12 anos e tem como proposta que estas crianças participem de atividades recreativas como: jogos didáticos, execuções musicais, jogos em Braile etc., bem como atividades com a escrita e com objetos do museu, propiciando, assim, uma aula lúdica e interativa, como também o interesse do aluno pelo lugar, levantando questionamentos, gerando curiosidade e fazendo com que a criatividade se revele mais aguçada.

Detalhes da Coleção do Museu da Escrita:

agendaMuseu da Escrita. Rua Dr. Walder Studart, 56 – Dionísio Torres, Fortaleza – Ceará. Aberto de segunda a sábado, das 8h às 17h.

 

Fique atento! Horários podem mudar sem aviso prévio. Consulte sempre os sites oficiais.

PESSOAS QUE LERAM ISSO, TAMBÉM GOSTARAM....

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *