Museu Fernando Botero na Colômbia

História das Artes > Museus > Museu Fernando Botero na Colômbia
Museu Fernando Botero na Colômbia

É um Museu de Arte localizado em La Candelaria, centro histórico e cultural da cidade de Bogotá, capital da Colômbia.

O museu surgiu a partir de uma doação de obras de arte feita pelo artista plástico colombiano Fernando Botero ao governo do seu país.

Tal coleção é composta por 123 obras de autoria do próprio Botero e outras 85 obras de arte internacional, abarcando o período que vai de meados do século XIX à arte contemporânea.

Inaugurado no ano 2000, o museu é mantido pelo Banco da República da Colômbia. Ocupa um edifício em estilo colonial, antiga sede da Hemeroteca Luis López de Mesa, hoje pertencente ao complexo cultural da Biblioteca Luis Ángel Arango.

Em meados da década de década de 1990, Botero, que já havia feito doações pontuais de obras de sua autoria a museus colombianos desde 1976, aventou a possibilidade de doar sua coleção de arte universal ao Museu de Antioquia, em Medellín, sua cidade-natal, com o objetivo de permitir à juventude colombiana o conhecimento direto da produção artística universal através de obras originais.

Porém, a lentidão das autoridades antioquenhas em tomar decisões para viabilizar a doação levaram o artista a aceitar a proposta do então prefeito de Bogotá, Enrique Peñalosa, de doar sua coleção à capital colombiana.

Peñalosa propôs a construção de um edifício para abrigar as obras, mas o artista preferiu doar sua coleção, então avaliada em aproximadamente 200 milhões de dólares, ao Banco da República da Colômbia, uma vez que essa instituição já possuía uma trajetória de realização de atividades culturais, e de administrar um complexo de equipamentos culturais em Bogotá, incluindo a Biblioteca Luis Ángel Arango, onde Botero havia exposto alguns anos antes.

A doação foi efetuada em 1998.

No ano 2000, a coleção chegou à Colômbia, depois de ser exposta na Fundación Santander Central Hispano deMadri, e o Museu Botero, no centro histórico de Bogotá, foi inaugurado.

Pouco tempo depois, atendendo a um pedido das autoridades de antioquenhas, o artista doou um segundo lote de obras ao Museu de Antioquia, composto por 34 peças de sua autoria (incluindo 23 esculturas instaladas no parque que leva seu nome, em frente ao museu) e 21 obras de artistas internacionais.

O Museu Botero encontra-se sediado em um edifício em estilo colonial, erguido em 1955. Trata-se de uma réplica contemporânea do antigo Palácio Arcebispal, erguido no mesmo terreno em princípios do século XVIII

O museu possui um conjunto de 123 obras realizadas por Fernando Botero, a segunda maior coleção de obras deste artista, atrás apenas da existente no Museu de Antioquia.

É composta por pinturas a óleo, pastéis, sanguíneas, desenhos e esculturas, executadas sobretudo nos últimos vinte anos.

Dentre os destaques da coleção, encontra-se a famosa versão boteriana da Mona Lisa de Leonardo da Vinci, parte da primeira série de obras sobre a violência na Colômbia.

No segundo andar, o museu conserva uma coleção de esculturas de pequeno e médio porte, executadas em bronze e mármore.

A coleção de arte internacional do Museu Botero é composta por 85 obras, abarcando um período de aproximadamente 150 anos, de meados do século XIX à arte do pós-guerra, produzidas por artistas europeus, norte e latino-americanos.

Trata-se da mais importante coleção de arte ocidental moderna e contemporânea na Colômbia e é bastante expressiva no contexto sul-americano.

agendaEndereço: Cl. 11 #421, Bogotá, Cundinamarca, Colômbia
Telefone:+57 1 3431316
Horário de 4ª a 2ª feira das 9h às 19h

Fique atento! Horários podem mudar sem aviso prévio. Consulte sempre os sites oficiais.

PESSOAS QUE LERAM ISSO, TAMBÉM GOSTARAM....

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *