O Deserto da Arte Proibida

História das Artes > Sala dos Professores > O Deserto da Arte Proibida
O Deserto da Arte Proibida
   

Como a arte sobrevive numa época de opressão? Durante o regime soviético os artistas que se mantiveram fiéis a seu modo de pensar foram executados, mandados para sanatórios ou gulags.

Essa situação inspirou o jovem Igor Savitsky, que fingia comprar arte aprovada pelo Estado, mas resgatou ousadamente 40 mil obras proibidas e, em 1966, criou o Museu Nukus no deserto do Uzbequistão, longe dos olhos atentos da KGB.

Dos diretores Amanda Pope e Tchavdar Georgiev, o filme O Deserto da Arte Proibida, mostra o caminho que Igor Savitsky percorreu para salvaguardar a arte da região, criando o Museu Nukus.

COMO CITAR?

Para citar o História das Artes como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:

IMBROISI, Margaret; MARTINS, Simone. O Deserto da Arte Proibida. História das Artes, 2020. Disponível em: <http://www.historiadasartes.com/sala-dos-professores/o-deserto-da-arte-proibida/>. Acesso em 24 Nov 2020.

PESSOAS QUE LERAM ISSO, TAMBÉM GOSTARAM....

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: