Verniz e vernissage

Verniz e vernissage

Toda pintura precisa ser coberta por uma capa protetora que também proporciona efeito brilhante.

Ao longo da história, a clara do ovo e ceras diversas foram usadas nessa cobertura final. A partir do século 18, os vernizes passaram a ser a cobertura mais comum das pinturas.

No século 19, os pintores europeus passaram a cultivar o hábito de chamar seus colegas para o momento em que a tela ia ser envernizada. Era um momento de confraternização, que podia incluir comida e bebida. Vem daí o termo vernissage, que até hoje é utilizado nas inaugurações de exposições.

PESSOAS QUE LERAM ISSO, TAMBÉM GOSTARAM....

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *