Afresco Salto no Touro, Museu Arqueológico de Heraklion

História das Artes > Sala dos Professores > Afresco Salto no Touro, Museu Arqueológico de Heraklion
Afresco Salto no Touro, Museu Arqueológico de Heraklion

Um aspecto importante da vida pública cretense eram os espetáculos organizados nos quais atletas treinados se envolviam em concursos de força, resistência e habilidade.

Particularmente, os mais populares eram os difíceis e perigosos saltos no touro, caça ao touro e javali, luta livre, boxe, assim como outros esportes que exibiam táticas e habilidades, como corridas a pé, corridas de carruagens e acrobacias.

O esporte acrobático minoico mais espetacular foi o salto de touro em que os atletas treinados faziam um perigoso salto sobre os chifres e as costas de um touro. Atletas de ambos os sexos participavam da competição, como podemos observar pela cor da pele das pessoas nos afrescos, escuro para homens e branco para mulheres.

As competições teriam sido realizadas em grandes espaços ao ar livre ou mesmo nos tribunais dos palácios.

O espírito de competição e a excelência cultivada pela primeira vez pelos minoicos foram revividos séculos mais tarde nos Jogos Olímpicos da Grécia antiga, cujo estabelecimento estava ligado pela tradição mitológica a Creta.

Nas áreas de jogos de Creta, a imagem do grande número de espectadores excitados, impulsivamente e apaixonadamente identificando-se com os concorrentes, não teria sido muito diferente da atmosfera do estádio e da arena no mundo antigo e até mesmo moderno.

Esse afresco, exibido pelo Museu Arqueológico de Heraklion, trata de uma cena de salto no touro que descreve vividamente como o esporte espetacular era realizado.

Há três participantes, duas mulheres de pele branca e um homem de pele marrom. Uma das atletas  está segurando o touro pelos chifres para reduzir sua velocidade e evitar que o salteador, que está executando o perigoso salto para trás, não seja ferido. A segunda atleta feminina, atrás do touro, está esperando com os braços estendidos para pegar o salteador quando ele pousar.

O afresco foi encontrado no lado leste do palácio de Cnossos (Knossos), juntamente com fragmentos de outros afrescos que mostram diferentes estágios do mesmo esporte. A obra é datada de 1600-1400 a. C.

PESSOAS QUE LERAM ISSO, TAMBÉM GOSTARAM....

Um comentário em “Afresco Salto no Touro, Museu Arqueológico de Heraklion”.

Os comentários não representam a opinião do www.historiadasartes.com, a responsabilidade é do autor da mensagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *