Baile na Roça, Cândido Portinari

História das Artes > Olho-vivo > Análise Estética > Obras Analisadas > Baile na Roça, Cândido Portinari
Baile na Roça, Cândido Portinari

Cândido Portinari nasceu no interior de São Paulo.

Desde muito cedo já expressa gosto pela arte, começando a pintar com nove anos de idade.

Estudo artes no Rio de Janeiro e conquistou um prêmio que o levou para estudar em Paris.

Longe de sua pátria, saudoso de sua gente, retratou em suas telas o povo brasileiro.

Portinari retorna da Europa, animado para pintar quadros exaltando a cultura brasileira, seu povo, sua natureza e sua história

Baile na Roça foi o título escolhido por Portinari para a primeira tela na qual retratou o Brasil.

A obra foi reconhecida como sua primeira obra de arte e também foi a primeira tela que o artista vendeu.

Na composição ele pinta uma típica festa popular de sua cidade natal no interior de São Paulo, Brodósqui.

O quadro apresenta personagens inspirados nas pessoas de sua pequena cidade e tem também uma leveza e uma combinação de cores e luzes que são marcantes na pintura clássica.

Apesar disso, é possível perceber que o pintor deixa à mostra sua pincelada, a aparência do processo da pintura, o que confere uma característica moderna à obra.

Superando aos poucos sua formação acadêmica e fundindo a ciência antiga da pintura a uma personalidade experimentalista a antiacadêmica moderna.

Por todas essas inovações técnicas incorporadas pelo pintor, a obra acabou sendo rejeitada pelo Salão Oficial da Escola de Belas Artes do Rio de Janeiro.

 

Ficha Técnica

Obra Baile na Roça
Autor: Cândido Portinari
Ano: 1924
Técnica: Óleo sobre tela
Tamanho: 97cm x 134cm
Acervo Coleção Particular, Rio de Janeiro, Brasil

 

Chegou a sua vez!
Escolha uma cena de uma festa popular da sua cidade, desenhe destacando mais a dança do que outros detalhes.
Use cores suaves como Portinari costumava pintar.

 

Fotografe a sua obras e compartilhe nas nossas mídias sociais #historiadasartestalento

PESSOAS QUE LERAM ISSO, TAMBÉM GOSTARAM....

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *