Galleria Villa Borghese

História das Artes > Museus > Galleria Villa Borghese
Galleria Villa Borghese
   

A Galleria Borghese em Roma é um dos museus de arte com um acervo fabuloso.

Apesar de menor nas suas instalações, está situado em uma antiga mansão de dois andares, que pertenceu à rica e poderosa família Borghese, cercados de obras-primas, de valor inestimável, faz dele um museu importante para os apreciadores e estudiosos de Arte.

Situada dentro da Villa Borghese, um dos maiores parques verdes de Roma.

O seu parque apresenta muitas surpresas, além do museu oferece jardim zoológico, teatro shakesperiano, jardins para piqueniques, fontes, estátuas e até um cinema exclusivo para crianças.

Em uma cidade com grandes museus como os Capitolinos, ou os vizinhos Museus do Vaticano os quais atraem uma quantidade simplesmente incontável de visitantes todos os dias, a Galeria Borghese embora em um espaço tão pequeno possui muitas obras de arte importantes.

Pode-se resumir o que faz da Galleria Borghese um museu  tão especial, é a combinação perfeita entre as obras de arte com o riquíssimo ambiente das salas expositivas.

A ambientação arquitetônica e artística da Galleria da Villa Borghese

Importantes peças do Museu do Louvre faziam parte da coleção de arte da Galeria Borghese.

Cerca de 300 peças que pertenciam ao acervo da Galeria Borghese, atualmente se chamam Coleção Borghese do Louvre.

O prédio era um palácio onde viveram muitos herdeiros de uma das mais ricas e poderosas famílias italianas de todos os tempos (e que ainda tem herdeiros até hoje): os Borghese.

Enquanto se contemplam as obras de arte, pode-se também imaginar como era viver em meio a tanto luxo e riqueza.

O andar térreo está dedicado às esculturas.

Uma das salas do andar térreo da Galleria Borghese, dedicada às esculturas

A beleza já se faz presente no salão de entrada com ambiente ricamente decorado.

Na sala número 1, a protagonista é a escultura de Pauline Bonaparte Borghese, representada como Venus Victrix.

Pauline Bonaparte Boghese como Vênus Victrix  – Obra de Antonio Canova

A escultura nua de Antonio Canova foi tema de muitos escândalos.

Pauline era irmã de Napoleão Bonaparte, e após a viuvez, se casou com Camillo Borghese.

Em seguida é a vez de três salas como três esplêndidas esculturas de Bernini: o Davi (1623-1624), Apolo e Dafne (1622-1625) e uma das esculturas mais famosas e importantes da arte mundial: o Rapto de Perséfone (1621-1622).

Davi contra Golias de Gian Lorenzo Bernini

Um dos detalhes que faz dela uma das mais famosas esculturas de Bernini: os dedos de Plutão que comprimem a coxa de Perséfone, dando a impressão que não é uma escultura de mármore, mas a perna de um ser humano.

Rapto de Perséfone- Obra de Gian Lorenzo Bernini acervo Galleria-Borghese

Na oitava e última sala do andar térreo estão pendurados seis dos doze quadros de Caravaggio de posse da família Borghese: Rapaz com cesto de frutas, Autorretrato como Baco ou Baco enfermo, São Jerônimo, Nossa Senhora dos Palafreneiros, São João Batista e Davi com a cabeça de Golias.

Sala de obras de Caravaggio – Obra: Baco Enfermo

A pinacoteca, no primeiro andar, é distribuída em doze salas e, como no andar térreo, aqui todos os ambientes também são ricamente decorados.

Um dos ambientes da Pinacoteca da Galleria Borghese

Considerada uma das salas mais ricas da pinacoteca porque ali estão quadros de grandes mestres umbros e toscanos do renascimento italiano: Perugino, Andrea Del Sarto, Pinturicchio e Rafael Sanzio.

Outra sala da Pinacoteca da Galleria Borghese

Todas as salas da pinacoteca são divididas por temas.

Gian Lorenzo Bernini, aclamado pelas suas esculturas também se faz presente em retratos expostos na Pinacoteca da Galleria Borghese.

 

Leonardo da Vinci também está presente no acervo da Pinacoteca da Galleria Borghese com seu Estudo de Leda e o Cisne

Villa Borghese . Piazzale Scipione Borghese V – Roma – Itátlia. Aberta de terça a domingo, das 9h às 19h,  quartas feiras, das 9h às 21h.

Fique atento! O horário pode ser modificado. Consulte o site oficial da instituição.

COMO CITAR?

Para citar o História das Artes como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:

IMBROISI, Margaret; MARTINS, Simone. Galleria Villa Borghese. História das Artes, 2020. Disponível em: <https://www.historiadasartes.com/sala-dos-professores/galleria-villa-borghese-roma-italia/>. Acesso em 01 Dec 2020.

PESSOAS QUE LERAM ISSO, TAMBÉM GOSTARAM....

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: