Generalife, Granada, Sorolla

   

No mês de janeiro de 1910, Sorolla volta a Sevilha para seguir sua rota por Granada, desde meados de fevereiro até 24 de março, continuando por Málaga, Ronda e Córdoba.Nessas cidades centra sua produção nos jardins do Alcázar sevilhano, na Alhambra e no Generalife. São cenas onde predomina sobretudo o intimismo; realizadas com simplicidade mas muito analisados enfoques que fazem com que o observador obtenha mais do que uma mera descrição do que vê, uma atitude de reflexão diante da obra.

Esta obra, junto com outras três, foi vendida em Madri, a um particular, em 1920. Depois passou a outro proprietário, mas já em Havana, até estabelecer-se definitivamente no Museu Nacional de Belas Artes desta cidade.

Sorolla escolhe para esta cena um canto do Pátio do Cipreste da Sultana no Generalife de Granada.

A composição fica estruturada por uma forte diagonal que divide a cena em duas partes, representando na sua maioria a água do estanque.

Descobre a luz especial de Andaluzia em inverno, forte mas não tão cálida e esplendorosa como no verão. Esta luz incide na água como em um espelho, refletindo-se nela a fonte e outros elementos arquitetônicos.

Utiliza uma feitura muito solta, de longa e empastada pincelada que muito tem que ver com o fovismo, recurso habitual em sua temática de jardins. Mesmo assim, existe um predomínio da mancha, que desmancha as formas, técnica que se irá consolidando com o passar dos anos.

A cena transmite uma sensação de calma e sossego, através da simbiose da luz e da água.

Generalife, Granda, 1910, Joaquín Sorolla, Museu Nacional de Belas Artes de Havana, Cuba.

pincelAgora que você sabe mais detalhes sobre essa obra de Joaquín Sorolla, experimente desenvolver sua releitura sobre o tema ou  crie uma composição com jardim e arquitetura integrados, usando o material colorido que você mais gostar.

quadroFotografe seu trabalho e compartilhe sua experiência nas nossas redes sociais com a #historiadasartestalento

COMO CITAR:

Para citar esta página do História das Artes como fonte de sua pesquisa utilize o texto abaixo:

IMBROISI, Margaret; MARTINS, Simone. Generalife, Granada, Sorolla. História das Artes, 2021. Disponível em: <https://www.historiadasartes.com/sala-dos-professores/generalife-granada-sorolla/>. Acesso em 26 Sep 2021.

PESSOAS QUE LERAM ISSO, TAMBÉM GOSTARAM....

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: