Afresco Terentius Neo e sua mulher

História das Artes > Olho-vivo > Análise Estética > Obras Analisadas > Afresco Terentius Neo e sua mulher
Afresco Terentius Neo e sua mulher

O afresco Retrato de Terentius Neo e sua esposa é famoso, único e requintado. Foi encontrado em Pompeia na Casa de Terentius Neo. Atualmente, é preservado no Museu Arqueológico Nacional de Nápoles, no sul da Itália.

A pintura retrata um casal de burgueses de Pompeia, certamente marido e mulher, e foi feita na parede dos fundos da sala, de modo a ser visível para quem passa pelo átrio. Ele é o padeiro Terentius Neo, como revelado pela inscrição gravada dentro da casa, e não, como erroneamente acreditava-se, de Paquius Proculus, cujo nome aparece em uma inscrição eleitoral pintada em uma parede externa.

O casal é retratado como refinado, rico, culto e elegante. Apesar de tudo, porém, os traços dos rostos traem a proveniência provincial dos dois, provavelmente vindos de regiões longínquas, que tendo alcançado o bem-estar econômico, pretendem mascarar suas humildes origens e entrar plenamente na sociedade romana.

O homem usa uma toga, a marca de um cidadão romano, e segura papéis, sugerindo que ele também está envolvido em eventos públicos ou culturais locais. A mulher está em primeiro plano e segura uma caneta e uma pastilha de cera, enfatizando que ela é também instruída e alfabetizada.

A fidelidade à realidade dos artistas romanos é aqui manifestada na minuciosa representação das particularidades fisionômicas, dos caracóis do cabelo feminino aos bigodes e barbas do homem. A atenção foca-se no olhar, vivo e luminoso.

Afresco Terentius Neo e sua mulher, século I a.C., Museu Arqueológico Nacional de Nápoles, Itália.

pincelAgora que você sabe mais detalhes sobre esse afresco romano, experimente desenvolver sua releitura sobre o tema, inspire-se em pessoas retratando suas características, usando o material colorido que você mais gostar.

quadroFotografe seu trabalho e compartilhe sua experiência conosco, nas nossas redes sociais, usando a #historiadasartestalento

 

COMO CITAR?

Para citar o História das Artes como fonte de sua pesquisa utilize o modelo abaixo:

IMBROISI, Margaret; MARTINS, Simone. Afresco Terentius Neo e sua mulher. História das Artes, 2020. Disponível em: <https://www.historiadasartes.com/sala-dos-professores/terentius-mulher/>. Acesso em 15 Aug 2020.

PESSOAS QUE LERAM ISSO, TAMBÉM GOSTARAM....

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: