Palácio Augustusburg

História das Artes > Sala dos Professores > Palácio Augustusburg
Palácio Augustusburg

Devido à sua monumentalidade e beleza é também chamado de Coroa das Montanhas Ore. O Palácio de Augustusburg foi construído na primeira metade do século 18 pelo Arcebispo de Colônia, Clemente Augusto da Baviera.

Em 1725, Clemente Augusto promoveu a construção do palácio sobre as ruínas do velho castelo, segundo o desenho de Johann Conrad Schlaun.

A partir de 1728, François de Cuvilliés, como construtor da corte da Bavieira, assumiu as obras. Até seu término, em 1768, artistas de reputação europeia trabalharam nele. Como Tome Balthasar Neumann que desenhou a sua famosa escadaria rococó, uma estrutura arrebatadora que une dinamismo e elegância, culminando no surpreendente teto em afresco do pintor italiano Carlo Carlone.

No período que se seguiu à Revolução Francesa, o Eleitorado de Colônia deixou de existir. O palácio foi tomado pelas tropas francesas que pilharam todas as mobílias que restavam.

Em 1815, o rei Frederico Guilherme IV da Prússia salvou o edifício. Ele permaneceu aqui pela primeira vez em 1842 e, então, ordenou que as salas fossem renovadas. Depois de ser reparado, o Palácio Augustusburg foi usado novamente como residência durante os anos de 1876 a 1877.

O palácio foi seriamente danificado durante a Segunda Guerra Mundial. Em 1944, uma bomba atingiu a ala Norte e, em 1945, a ala principal foi atingida por um bombardeio de artilharia. As reparações mais urgentes foram iniciadas em 1945 e continuaram até a recuperação completa do edifício.

O paisagista Dominique Girard, tido como aprendiz de André Le Nôtre, responsável pelos jardins de Versalhes, concebeu o jardim de acordo com as rigorosas especificações da teoria e prática da arte do jardim francês.

Hoje, abriga três museus: o museu das carruagens; o museu de caça e ornitologia e o museu de motocicletas, com 175 peças clássicas e vintage. A partir da torre de observação, o visitante pode  desfrutar de uma vista das Montanhas de Ore.

Localizado a pouco mais de 2 km de distância do Palácio Augustusburg, pode-se ainda visitar o edifício, Falkenlust. Este foi construído entre 1729 e 1737 e era o chalé de caça usado por Clemente Augustus.

O conjunto Augustusburg, Falkenlust e o jardim é considerado desde 1984 um Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO.

Palácio Augustusburg.  Distrito de Rhein-Erft-Kreis, cidade de Brühl, Alemanha. Aberto de terça a sexta, das 9h às 16h; sábado e domingo, das 10h às 17h. Não é permitido visitar o Palácio Augustusburg de forma independente. A cada 30 minutos há visita guiada, com a duração aproximada de uma hora.

Fique atento! O horário pode sofrer modificação. Consulte o site oficial da instituição.

PESSOAS QUE LERAM ISSO, TAMBÉM GOSTARAM....

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *