Exposição

História das Artes > Posts com a tag "Exposição"
Exposição Bestiário – Centro Cultural de São Paulo

Exposição Bestiário – Centro Cultural de São Paulo

A exposição Bestiário, projeto curatorial de Raphael Fonseca, contemplado no Programa de Exposições CCSP 2017, articula obras da Coleção de Arte da Cidade/CCSP com obras de artistas convidados e investiga a relação entre humanidade e animalidade, figura humana e monstruosidade. Continue Lendo

Exposição Ready Made in Brasil – Centro Cultural Fiesp – São Paulo

Exposição Ready Made in Brasil – Centro Cultural Fiesp – São Paulo

A mostra Ready Made in Brasil celebra o centenário da obra Fonte de Marcel Duchamp, primeiro de seus readymades apresentado ao público, e sua ressonância na produção artística brasileira

Neste ano, Fountain (Fonte, 1917), obra ícone de Marcel Duchamp, completa 100 anos desde que foi apresentada, de forma anônima, como um objeto de arte no importante Salão dos Artistas Independentes de Nova York.

Anos antes, Duchamp já havia introduzido o conceito de readymade para classificar alguns de seus trabalhos, cuja proposta consistia na apropriação de objetos comuns, sem um valor estético específico, como obras de arte, deslocadas para o espaço expositivo.

O readymade pode ser compreendido como um gesto, uma ferramenta ou ação duchampiana, que busca questionar o próprio sistema de arte vigente, e, para alguns teóricos,

Fonte (1917) é o principal ponto de virada  da arte produzida até os dias atuais.

Entre os anos de 1960, a partir dos (pop)concretos e neoconcretos, o readymade é introduzido no Brasil e, desde então, está presente na produção de todas as gerações seguintes de artistas, que frequentemente recorrem ao procedimento duchampiano para realizar suas criações.

A exposição busca criar uma espécie de linha do tempo desta presença nas diferentes gerações de artistas a partir da inserção de trabalhos históricos e icônicos de diferentes períodos.

Com curadoria de Daniel Rangel, a exposição “Ready Made in Brasil” traz um panorama da influência do readymade na produção artística brasileira de diferentes gerações, partindo dos anos 1960, até o presente.

Os conceitos de apropriação e deslocamento, bases do readymade, são os eixos condutores da exposição, que reúne 50 artistas.

“A escolha dos artistas e obras que compõe a mostra se constitui a partir de dois eixos centrais: a proximidade direta com a obra de Duchamp e a conexão com o universo da indústria e da construção civil, ressaltado pelo espaço cultural que abriga a mostra”, afirma o curador.

Daniel Rangel ainda destaca que o próprio título da mostra é, em si, um readymade, algo que surge da fusão e da apropriação de dois termos populares: readymade e made in Brasil.

A mostra está espacialmente distribuída a partir de aspectos que consideram tanto cronologia quanto os procedimentos e materiais dos trabalhos dos artistas, com o intuito de permitir que o espectador crie circuitos diversos no mesmo ambiente: obras de artistas históricos do começo dos anos 1960 estão dispostas ao lado de produções recentes e algumas inéditas de artistas mais jovens.

Ready Made in Brasil

Local: Galeria de Arte do Centro Cultural Fiesp
Avenida Paulista, 1313 – São Paulo – SP
Diariamente, das 10h às 20h
Até 28 de janeiro de 2018
Entrada gratuita

Fique atento. Os horários podem sofrer alterações. consulte sempre o site oficial da instituição.

 

Museu de Arte Brasileiro – MAB – FAAP – São Paulo

Museu de Arte Brasileiro – MAB – FAAP – São Paulo

Aberto ao público em 10 de agosto de 1961, o Museu de Arte Brasileira da Fundação Armando Álvares Penteado – MAB/Faap, no bairro do Pacaembu, em São Paulo, vem somar-se aos museus de arte existentes na cidade, com a particularidade de voltar-se para a produção artística nacional. Continue Lendo

Papel Arte/Arte Papel – MBA FAAP – São Paulo

Papel Arte/Arte Papel – MBA FAAP – São Paulo

Para apresentar experiências e tecnologias ligadas à produção manual de papel e seu uso na arte como linguagem, o Museu de Arte Brasileira (MAB FAAP) recebe a exposição “Papel Arte / Arte Papel”.

A iniciativa é um projeto de intercâmbio cultural entre o Brasil e a Bulgária, realizado pela Ellora Ateliê e Fundação Amateras. Continue Lendo

Exposição 50 Anos do Museu Lasar Segall

Exposição 50 Anos do Museu Lasar Segall

O Museu Lasar Segall completa meio século de história. Para comemorar, o museu abre a exposição “1967-2017 Museu Lasar Segall 50 anos”, a mostra vai agrupar acervos arquivísticos, bibliográficos e artísticos de exposições já realizadas. Continue Lendo

35ª Panorama da Arte Brasileira – MAM – São Paulo

35ª Panorama da Arte Brasileira – MAM – São Paulo

O Museu de Arte Moderna de São Paulo apresenta a  35˚ Panorama da Arte Brasileira.

Que tem curadoria de Luiz Camillo Osório, também é responsável pelo conceito deste ano, que aproxima, dialeticamente o texto “Esquema Geral da Nova Objetividade” (1967) de Hélio Oiticica e o texto “Nacional por Subtração” de Roberto Schwarz. Continue Lendo

Das Mãos e do Barro – Cerâmica paraguaia em São Paulo

Das Mãos e do Barro – Cerâmica paraguaia em São Paulo

A Galeria Millan, em São Paulo, está em cartaz com a exposição Das Mãos e do Barro, que apresenta cerâmicas paraguaias de tradição Guarani.

A mostra reúne mais de 100 trabalhos, de três artistas paraguaias: Julia Isídrez, Ediltrudis Noguera e Carolina Noguera. Continue Lendo

No Subúrbio da Modernidade – Exposição Di Cavalcanti na Pinacoteca de SP

No Subúrbio da Modernidade – Exposição Di Cavalcanti na Pinacoteca de SP

Uma mostra para celebrar os 120 anos do nascimento de Emiliano Di Cavalcanti na Pinacoteca de São Paulo.

São mais de 200 obras desse pintor autodidata um dos mais importantes artistas do modernismo brasileiro. Continue Lendo

Exposição “Em trânsito – A Stencil Art de Celso Gitahy”

Exposição “Em trânsito – A Stencil Art de Celso Gitahy”

Conhecido como um dos precursores da arte urbana brasileira, o artista exibe obras em estêncil, além de pinturas, instalações e objetos que trazem uma reflexão sobre a vida nas metrópoles. Continue Lendo

Exposição Pedro Correia Araújo: Erótica – MASP

Exposição Pedro Correia Araújo: Erótica – MASP

Pedro Correia de Araújo é um artista que se encontra no cruzamento entre dois tempos, geografias, escolas: entre os séculos 19 e 20, entre a França e o Brasil, entre o acadêmico e o moderno. Continue Lendo