David, Michelangelo

David, Michelangelo

David é uma das esculturas mais famosas do artista renascentista Michelangelo Buonarroti. O trabalho retrata o herói bíblico com realismo anatômico impressionante, sendo considerada uma das mais importantes obras do Renascimento.

Este herói do Antigo Testamento derrotara com coragem e destreza o gigante Golias, libertando deste modo o seu povo da ameaça dos filisteus. Com a ajuda de uma funda, o jovem pastor de ovelhas, David conseguiu pôr Golias fora de combate e cortar-lhe a cabeça com a própria espada.

A escultura possui 5,17 metros de altura e representa o herói bíblico David, um dos personagens mais frequentes na arte florentina.

Originalmente encomendada como parte de uma série de outras estátuas de profetas e heróis bíblicos, David estava cotado para decorar uma das fachadas de Santa Maria del Fiore.

No entanto, após sua conclusão, a escultura foi posicionada em frente ao Palazzo della Signoria, sede da governadoria de Florença, onde foi revelada ao público oficialmente em 8 de setembro de 1504.

Por conta da natureza heroica representada, a estátua simbolizou o sentimento de liberdades civis que dominava a República de Florença na época.

Em 1873, a escultura foi transferida para o interior da Galeria da Academia de Belas Artes enquanto a praça pública recebeu uma réplica em seu lugar.

Conta a lenda que alguns escultores da época tentaram realizar a obra, mas só em 1501 se encontrou em Michelangelo um mestre à altura de dominar o bloco de mármore.

Michelangelo apresenta David como um jovem atlético, completamente nu, com a funda negligentemente lançada sobre o ombro. Tranquilo e inteiramente concentrado parece ocupado em reunir forças para o ataque.

A primeira visão da estátua deve ter sido um choque para os florentinos. Desde a antiguidade que não se voltara a produzir uma escultura tão monumental com essas dimensões e além disso, o “gigante” nu afastava-se de todas as representações de David anteriormente conhecidas em Florença.

Este herói da Bíblia era, no século XV, representado como guerreiro de espada e elmo ou até mesmo com armadura.

David – obra de Donatello

Aos seus pés colocava-se como era hábito o troféu: a cabeça do vencido. Desta maneira mostrava-se o jovem herói no momento posterior ao acontecimento vitorioso.

Michelangelo, pelo contrário, renunciou aos tradicionais atributos de David. Ao invés disso, o artista assinalou o seu David apenas com a funda que o herói tem ao ombro, enquanto observa metodicamente o seu adversário.

Esta figura não se impõe como a de um vencedor, como acontece nas obras mais antigas mas sim como uma força juvenil e auto confiança.

Michelangelo trabalhou nesta figura num atelier, instalado provisoriamente perto da catedral, durante dois anos e meio.

A escultura é apresentada de frente, assumindo assim um lado principal. Tal imposição deve-se, provavelmente, ao fato de o bloco de mármore já se encontrar em parte esculpido, restringindo, portanto, o trabalho do artista.

A força de seu corpo transmite ao espectador a sensação de que o personagem está em movimento, o que foi obtido através da técnica do contrapposto. Este conceito ganha vida em David, uma vez que a figura parece sobrepor todo seu peso sobre uma das pernas, enquanto a outra somente lhe fornece sustentação.

Esta postura clássica faz com que quadris e ombros da estátua repousem em ângulos opostos, causando uma breve curvatura em ‘S’ no perfil geral da obra. O contrapposto é enfatizado pela direção da cabeça à esquerda e pelas posições contrastantes dos braços.

David uma figura aparentemente frágil que derrota o valente inimigo com destreza e inteligência e a pequena cidade-estado de Florença podia perfeitamente identificar-se.

Agora chegou a sua vez! Faça um desenho do seu herói preferido, use o seu material preferido, mas use a técnica do “Contrapposto”, como explicado acima.

Concluído o seu desenho, fotografe e envie para nossas mídias sociais #historiadasartes/talento

PESSOAS QUE LERAM ISSO, TAMBÉM GOSTARAM....

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *