Autor: Simone Martins

História das Artes > Artigos postados por Simone Martins (Página 2)
O Grito do Palleter, Sorolla
   

O Grito do Palleter, Sorolla

Sorolla pintou seu primeiro quadro de história O Dois de Maio, em 1884. Realizou-o ao ar livre, nos corredores da Praça de Touros de Valença. Esta maneira de pintar ao ar livre chamou a atenção do público na Exposição Nacional de Belas Artes de Madri, obtendo então a segunda medalha. Continue Lendo

A Trança, Renoir
   

A Trança, Renoir

A modelo Suzanne Valadon, que já havia aparecido em outras obras de Renoir, posou para esta obra. Nela, apresenta-se uma moça recolhendo o cabelo em uma trança, em uma atitude de total concentração. Continue Lendo

Retrato de Leão X com Dois Cardeais, Rafael Sanzio
   

Retrato de Leão X com Dois Cardeais, Rafael Sanzio

Por volta de 1518-1519, Rafael executa um retrato de Leão X, papa sucessor de Júlio II. Nele, o pontífice aparece sentado diante de sua mesa de trabalho e rodeado pelos cardeais Giulio de Médici, que seria o futuro Clemente VII e Lourenço Rossi. Vasari descreveu detalhadamente a obra desta forma: “… se veem estas figuras, como se não estivessem pintadas, mas sim de inteiro relevo; parece que se pode tocar o veludo Continue Lendo

Verão, Sorolla
   

Verão, Sorolla

A partir de 1903 começa sua ampla série de obras sobre cenas nas praias levantinas que passarão a ser as mais representativas de sua ampla produção. A tela de grandes medidas é uma exceção ao formato habitual que costumava utilizar para obras sobre esta temática. Continue Lendo

As Banhistas, Renoir
   

As Banhistas, Renoir

Renoir começou esta tela em 1918 e terminou-a no meio de fortes dores, em 1919, poucos meses antes de sua morte. Nela ele torna a tratar pela última vez seu tema mais constante: o nu feminino, que ele tanto gostava de expressar em quadros protagonizados por jovens banhistas.

Continue Lendo

A Igreja de Cagnes, Renoir
   

A Igreja de Cagnes, Renoir

Esta paisagem, pintada em 1905, representa a igreja de Cagnes, pequeno povoado da Costa Azul francesa, próximo a Antibes. Este foi o lugar onde a família Renoir estabeleceu definitivamente sua residência devido ao cálido clima daquele lugar. Continue Lendo

Entre Laranjeiras, Joaquín Sorolla
   

Entre Laranjeiras, Joaquín Sorolla

Esta obra foi a primeira grande encomenda que Sorolla recebeu de Buenos Aires. Conseguiu-a através de seu representante Dom José Artal. A 10 de junho de 1902 se refletia por escrito a petição ou através de uma extensa carta onde se explicam detalhadamente as condições desejadas. Continue Lendo

Gabrielle com Joias, Renoir
   

Gabrielle com Joias, Renoir

A moça protagonista desta tela é Gabrielle Renard. Esta moça, prima da esposa do pintor, começou a trabalhar para o casal como criada,  quando tinha catorze anos, em 1893, pouco antes do nascimento de Jean, segundo filho do casal; e permaneceu com a família até aproximadamente 1919, ano em que se casou com o pintor americano Conrad Slade. Continue Lendo