Catedral de Colônia

História das Artes > Sala dos Professores > Catedral de Colônia
Catedral de Colônia

A Catedral de Colônia, em alemão: Kölner Dom, é uma igreja católica de estilo gótico.  Declarada pela UNESCO como patrimônio da humanidade, guarda desde 1164, as relíquias dos Reis Magos.

O início do bispado de Colônia remonta ao século 4 (313-14), o primeiro bispo foi Maternus. As escavações após a Segunda Guerra Mundial demonstraram que o local já tinha um uso sagrado.

Em 1164, o arcebispo Rainald de Dassel trouxe as relíquias dos Reis Magos de Milão. Ele as recebeu do imperador Frederico I (chamado Barba Ruiva), em gratidão pelos serviços prestados em sua campanha na Itália. O arcebispo tornou as relíquias amplamente conhecidas pelos cristãos. E assim, a Catedral de Colônia tornou-se um dos destinos de peregrinação mais importantes da época medieval.

Por isso, em 1248, o arcebispo Konrad von Hochstaden lançou a pedra fundamental da alta catedral gótica de hoje. A arquitetura da nova catedral estava estreitamente alinhada com a arquitetura francesa mais moderna, especialmente na Catedral de Amiens ou na Sainte-Chapelle em Paris.

Em 1265 foram concluídas as capelas e o ambulatório do coro. Os primeiros objetos litúrgicos do coro são desta época. Em 1300 todo o coro principal foi concluído, no entanto, não foi consagrado até 1322. Mais tarde, a velocidade das obras foi reduzida. Por volta de 1360, começaram as obras da torre sul, realizadas em tempos medievais apenas até a altura do primeiro andar.

Em 1388, ano da fundação da Universidade de Colônia, os corredores do lado sul puderam ser utilizados. Em 1560, quando os trabalhos foram interrompidos, a parte do coral já estava concluída e pelo menos o piso térreo dos corredores longitudinais e transversais podiam ser utilizados.

No século 19 a construção foi concluída. Em 1842, Frederico Guilherme IV da Prússia colocou a pedra fundamental para a continuação do trabalho e, em 1880, foi colocada a cruz arremate da última torre sul.

Na Segunda Guerra Mundial, a catedral foi bombardeada por 14 ataques de bombas aéreas e mesmo assim não ruiu completamente. Sua reconstrução foi terminada em 1956. Na base da torre noroeste, um reparo de emergência realizado com tijolos de má-qualidade retirados de uma ruína próxima da guerra permaneceu visível até fim da década de 1990 como uma lembrança da guerra, mas então foi decidido que a parte deveria ser reformada para seguir a aparência original.

Relicário dos Reis Magos

O Santuário dos Magos é o maior relicário da Idade Média. O santuário foi feito entre os anos de 1190 até 1220, pelo ourives Nikolaus von Verdun nas oficinas de Colônia e Maasland para os ossos dos Reis Magos, trazidos para Colônia em 1164. A decoração artística consiste em figuras douradas e prateadas, douradas ao fogo, placas de filigrana com pedras (gemas, pedras semipreciosas, gemas cortadas antigas e camafeus) e esmalte derretido em colunas, arcos e perfis. O programa de gravuras conta a história da salvação desde o começo dos tempos até o Juízo Final.

Depois de escapar das tropas revolucionárias francesas em 1794, o santuário foi encurtado por um eixo. Na última restauração de 1961 a 1973, foi amplamente restaurada à sua forma original. Nos tempos medievais, foi planejado erguer o santuário no cruzamento da catedral. Hoje, ergue-se atrás do altar-mor medieval e forma o centro da catedral gótica, que foi construída como um relicário de pedra para ele.

As torres da Catedral de Colônia possuem 157 metros de altura. Sua área total é de 6.900 m², incluindo 5 naves e 7 capelas, sendo que as duas naves principais, dispostas em formato de cruz com 43 metros de altura. Possui também mais de 10 mil m² de vitrais coloridos que retratam histórias do Velho Testamento.

Catedral de Colônia (Kölner Dom). Domkloster 4 – Colônia – Alemanha. Aberta para visitação de novembro a abril, das 6h às 19h30, de maio a outubro, das 6h às 21h.
Passeios aos domingos e feriados, das 13h às 16h30. Não é possível realizar visitação durante os cultos da igreja e eventos especiais noturnos.

Fique atento! O horário pode sofrer modificação. Consulte o site oficial da instituição. 

PESSOAS QUE LERAM ISSO, TAMBÉM GOSTARAM....

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *